Dia 8 de Dezembro teremos oportunidade de assistir de novo, em cópia digital restaurada, ao primeiro filme do realizador Manuel de Oliveira, Aniki Bóbó.

O filme, produzido por António Lopes Ribeiro (o "Ribeirinho"), uma das figuras mais importantes do cinema português, é uma obra pioneira do neo-realismo nacional. Ao contrário do que diz a ficha divulgada aqui o argumento foi escrito por Manuel de Oliveira (conforme se pode verificar aqui), inspirado num poema de João Rodrigues de Freitas, com diálogos adicionais de  Nascimento Fernandes, António Lopes Ribeiro e Manuel Matos, e versos de Alberto Serpa.